Sobre Aracaju: 162 razões para amar Sergipe!

vista-telefc3a9rico-parque-da-cidade-razões-para-amar-sergipe

A menor capital do país fez 162 anos no dia 17 de março e eu decidi fazer uma homenagem não só à Aracaju como a todo o estado de Sergipe. 162 anos de Aracaju, 162 razões para amar Sergipe. Se vocês acharam que eu esqueci ou não mencionei boas razões para amar Sergipe, por favor, deixem nos comentários as suas sugestões! E, se você é sergipano ou pretende visitar o estado em breve, aproveite e dê uma lida nas 11 coisas que você precisa saber antes de conhecer Aracaju.

162 razões para amar Sergipe: quais delas você conhece?

1. Tudo é perto.

Em Aracaju, nas cidades do interior e até de uma cidade a outra, as distâncias são pequenas. Não é à toa: Aracaju é a menor capital do país e Sergipe é também o menor estado. Em outras palavras: se alguém mora na mesma cidade que você e avisa que está saindo de casa, provavelmente chegará em questão de minutos na sua. Mágico.

2. Os preços.

Afinal, Aracaju é uma das 5 capitais mais baratas do Brasil. Nas cidades do interior, então… Altas pechinchas!

3. As pessoas.

Os sergipanos são abertos a amizades, gentis e adoram recepcionar turistas. Mesmo na capital, por ser pequena, ainda rola um gostinho de cidade de interior, onde as pessoas se importam umas com as outras, sabe?

4. A beleza indescritível do cânion do Xingó.

Taí uma das mais famosas razões para amar Sergipe: Xingó, o quinto maior cânion navegável do mundo.

canion-de-xingo-sergipe-1024x683
De encher os olhos.

5. O sotaque.

Porque não, sotaque nordestino não é tudo igual.

6. A praia do saco.

praia-do-saco
Praia do Saco.

7. As sorveterias maravilhosas.

Mais informações, fotos e preços em: “As melhores sorveterias de Aracaju“. E dicas de onde comer no vídeo TOP 10 lugares para comer em Aracaju.

Melhor sorvete. Morro de saudade quando tô em SP!

A post shared by Blog DeClara (@blogdeclara) on

8. A paradisíaca Croa do Goré.

Praia de água doce, areia branquinha, peixe assado ou frito por pescadores e muita tranquilidade.

croa-do-goré-razões-para-amar-sergipe
Croa do Goré, em Sergipe.

9. O amendoim verde cozido.

É como pipoca ou Bis: impossível comer um só.

amendoim-verde-cozido-sergipe-
Uma das razões para amar Sergipe é o amendoim cozido, típico do estado.

10. As gírias.

“Barrear”, “gazear”, “pelejar”, “lenhar”, “ximar”, “abelhudar”, “gaitxar”, e “papocar”. “Eitcha pentcha!”, “eita pega”, “se oriente!”, “gota serena”, “canso”, “vôte”, “doido”, “ruma”, “e foi, foi?”, “apois”, “azoado”, “carrada”, “de hoje”, “broca”, “picar a mula”, “pegar o beco”, “tá com a peste”, “fuleiro”, “tabaréu”, “cagado e cuspido”, “cranco” e “cabrunco”. São tantos os verbos e expressões que não tem como deixar de fora o dialeto da estado dessa lista das razões para amar Sergipe.

11. As trilhas de aventura – e as cachoeiras – da Serra de Itabaiana.

As belas paisagens, trilhas e cachoeiras da Serra de Itabaiana certamente são algumas das boas razões para amar Sergipe.

serra-de-itabaiana-razões-para-amar-sergipe-1024x681
Parque Nacional da Serra de Itabaiana.

12. O trânsito tranquilo.

13. O melhor caranguejo que já comi.

Se houver caranguejo no cardápio, eu pedirei, em qualquer cidade que eu for – e o sergipano continua sendo o melhor de todos.

caranguejoa-1-razões-para-amar-sergipe
Assim fica mais bonitinho, mas eu gosto mesmo é quando vem numa panela ou bacia com água quente.

14. Guaiamum, siri e crustáceos para todos os gostos.

Justíssimas razões para amar Sergipe.

guaiamum-razões-para-amar-sergipe-
Guaiamum: o que ele tem de feio tem de gostoso. Benzadeus.

15. A exuberância da Mata Atlântica, na região sul do Estado.

Mata-atlântica-razões-para-amar-sergipe-
Reserva Florestal em Sergipe.

16. O baixo número de fumantes.

Aracaju é a segunda capital com menor índice de fumantes do país, com apenas 6,6% da população. Aí sim.

17. O Parque da Sementeira.

parque-das-sementeiras-razões-para-amar-sergipe-1024x687
Parque da Sementeira, em Aracaju.

18. A farofa d’água.

Nessa foto pode até não parecer, mas a farofa d’água é a melhor farofa do mundo. Você encontra variações maravilhosas nos restaurantes Carne do Sol do Picuí e Carne do Sol do Ramiro.

farofa-dágua-razões-para-amar-sergipe-
A melhor farofa do mundo.

19. O pão de queijo sergipano.

Também apelidado de pão delícia, o aerado pão de queijo sergipano é, para mim, bem mais gostoso do que o mineiro. Saudades, sempre.

pão-de-queijo-sergipano-razões-para-amar-sergipe
Pão de queijo sergipano, também chamado de pão delícia.

20. O Museu da Gente Sergipana.  

Projetado por Marcello Dantas, também responsável pelo incrível Museu da Língua Portuguesa (SP), o Museu da Gente Sergipana é interativo, moderno e agrada até quem não costuma gostar de museus.

museu-da-gente-sergipana-razões-para-amar-sergipe-1024x680
Museu da Gente Sergipana, em Aracaju.

21. A literatura de cordel.

22. A malha de ciclovias de Aracaju.

A capital tem a maior malha cicloviária do Nordeste e é um exemplo de cidade bike-friendly para todo o Brasil.

23. A castanha de caju torrada.

Gostosa e saudável, a castanha de caju torrada é tão maravilhosa e típica que não poderia ficar de fora das razões para amar Sergipe.

24. A Orla de Atalaia.

Cartão postal de Aracaju.

orla-atalaia-aracaju-arcos-3-1-700x467-razões-para-amar-sergipe
Orla de Atalaia, em Aracaju.

25. O planejamento da capital.

Aracaju foi a segunda capital planejada do país e foi construída em formato de tabuleiro de xadrez. Perfeita para quem é de se perder, como eu.

26. A imperdível Ilha dos Namorados.

Precisa dizer alguma coisa?

Título
croa-do-gore-e-ilha-dos-namorados-razões-para-amar-sergipe
Legenda
Descrição
URL do ficheiro:
https://blogdeclara.com/wp-content/uploads/2022/12/croa-do-gore-e-ilha-dos-namorados-razoes-para-amar-sergipe.jpg
Copiar URL para a área de transferência
Acções dos itens multimédia seleccionadosSeleccionar
A Ilha dos Namorados, em Sergipe.

27. A mangaba (e tudo o que vem dela).

Mangaba de caída, suco de mangaba, geladinho de mangaba, sorvete de mangaba. Quanto mais mangaba, melhor!

mangaba-razões-para-amar-sergipe
Pense numa coisa boa.

28. A cidade de São Cristóvão.

Quarta cidade mais antiga do país, São Cristóvão já foi a capital do estado. Hoje, abriga a Praça São Francisco, eleita como Patrimônio Cultural da Humanidade.

Praça_São_Francisco_-_São_Cristóvão_SE-razões-para-amar-sergipe-1024x683
Praça São Francisco, em São Cristóvão-SE.

29. Muito camarão, aonde quer que você vá.

Melhor coisa.

camarões-dendê
Amor, I love you…

30. A inacreditável Lagoa Redonda, em Pirambu.

A natureza é linda.

lagoa-redonda-razões-para-amar-sergipe
Lagoa Redonda, em Pirambu.

31. A macaxeira de forno.

Melhor do que escondidinho, com certeza.

32. O bolo de macaxeira.

Não há palavras pro tanto que esse bolo é bom.

bolo-de-macaxeira-razões-para-amar-sergipe
Bolo de macaxeira.

33. O calçadão da 13 de julho, com suas quadras e barraquinhas de água de coco.

calcadao-da-13-de-julho-razões-para-amar-sergipe
Calçadão da 13 de julho.

34. O por do Sol da Orla Por do Sol.

orla-por-do-sol-calcadao-da-13-de-julho-razões-para-amar-sergipe
A Orla Por do Sol, em Aracaju.

35. O São João.

Comemorado por mais de um mês, Aracaju – bem, Sergipe – é o lugar perfeito para quem não se cansa fácil das festividades e comidinhas juninas.

36. O pirão de leite.

Pirão de leite + carne do Sol = Amor.

razões-para-amar-sergipe-pirão-de-leite-1024x768
Pirão de leite: não, não tem gosto de purê!

37. O bolo de leite.

Meu Deus, o bolo de leite! <3

Bolo-de-leite-O-bolo-de-leite.
Essa foto não faz jus ao tanto que esse bolo é macio, diferente e gostoso.

38. A Serra da Miaba.

serra-da-miaba-razões-para-amar-sergipe-
Serra da Miaba, em Sergipe.

39. Açaí para todos os gostos.

Uma das especialidades sergipanas, é possível encontrar açaí em praticamente qualquer lugar da capital, a bons preços e com consistência das boas.

40. SUP.

grande-SUP_Shirley-Vidal-razões-para-amar-sergipe-
Ou Stand-up Paddle, para os menos íntimos.

41. O céu à noite no sertão, no interior do estado.

O que tem de quente de dia, tem de frio e lindo à noite.

42. A passarela do caranguejo.

Porque caranguejo nunca é demais.

passarela-do-caranguejo-razões-para-amar-sergipe--1024x682
Ponto turístico da capital.

43. A praia do Viral.

razões-para-amar-sergipe-blog-declara1-min-1024x658
Lindeza.

44. Sistema integrado de ônibus na capital.

É um transporte público incrível? Não, mas você pode rodar a cidade com um único bilhete.

45. Caldinho de sururu.

caldo-de-sururu-foto-eduardo-bacani-razões-para-amar-sergipe
Inclusive, quero.

46. A Rota do Cangaço, em Xingó.

Porque faz parte da nossa história.

47. O verbo “barrear”.

Usado para situações entre estar chateado, irritado, triste ou magoado, até hoje não achei um substituto.

48. Mangue Seco, na fronteira com a Bahia.

Uma foto nessa praia linda de Mangue Seco para dizer que já estou em Aracaju de volta e tá rolando sorteio de planner aqui no insta! ☀️??

A post shared by Blog DeClara (@blogdeclara) on Feb 2, 2017 at 3:15pm PST

49. A cultura de família do sergipano.

Os sergipanos costumam ser muito ligados à família, um valor que tem sido deixado um pouco de lado em muitas outras cidades – do Brasil e do mundo.

50. O por do Sol no litoral norte.

51. O Projeto Tamar.

O que dizer de uma instituição que salva tartaguinhas e que tem duas unidades em Sergipe?

52. O mar tranquilo e que forma piscinas naturais.

As praias sergipanas são ótimas razões para amar Sergipe. Em geral, são paraísos para banhistas, com águas calmas, mornas e que formam piscinas naturais frequentemente. Delícia!

53. A praia de Atalaia.

Essa praia urbana é acessível e tem infinitas opções de lugares para comer do outro lado da rua.

54. O caranguejo gigante na Orla.

Como não amar uma cidade que tem um caranguejo gigante?

Passarela_do_Caranguejo_Emsetur_Divulgaçaõ-razões-para-amar-sergipe
O caranguejo gigante.

55. O cuscuz.

Quentinho, com manteiga, ovo, queijo, linguiça, carne seca… Eita.

20151109143050_cuscuz_nordestino_fumaca-razões-para-amar-sergipe
Fumegando que é bom!

 56. O Parque dos Cajueiros.

parque-dos-cajueiros-razões-para-amar-sergipe
Parque dos Cajueiros, em Aracaju.

57. O queijo coalho.

queijo-coalho-razões-para-amar-sergipe-1024x683
O queijo-base da culinária sergipana.

58. O Cinema Vitória.

Inaugurado em 1934 e agora administrado pela instituição sem fins lucrativos Casa Curta-SE, o cinema Vitória é um clássico do estado e um achado para quem, como eu, ama cinema.

59. Os mercados centrais.

Cultura, comida e artesanato.

MERCADO-MUNICIPAL-razões-para-amar-sergipe-1024x683
Temperos, frutas, comidas típicas, artesanato, frutos do mar.

60. As recheadíssimas tapiocas da Orla.

Infinitamente melhores do que as mirradas e puxentas tapiocas misturadas com polvilho de SP. Sério.

61. A Universidade Federal de Sergipe.

62. O projeto Academia da Cidade.

Aulas de dança, ginástica e outras atividades físicas gratuitas para a população são o objetivo desse projeto resultante da parceria entre a Prefeitura Municipal de Aracaju, a Secretaria Municipal de Saúde e a Universidade Federal de Sergipe.

63. A picanha do Restaurante Carne do Sol do Picuí.

A picanha de lá é mais barata, mais bem servida e melhor do que qualquer picanha que eu tenha comido em restaurantes chiques de SP. Amo, recomendo, mas não tenho foto. (Vou tirar da próxima vez que for!)

64. A carne do Sol do Ramiro e do Picuí.

Boa, bem servida e um clássico aracajuano.

65. O ecoparque aquático de Timbó.

Piscinas de água corrente com tobogãs, pedalinhos, tirolesa, caiaques…

parque-timbó-razões-para-amar-sergipe
Piscinas naturais de água corrente. <3

66. O Reisado.

grande-Reisado-FotoEdsonAraújo-razões-para-amar-sergipe
Reisado: dança folclórica sergipana em homenagem aos Reis Magos, que celebra o nascimento de Jesus.

67. A Taieira, o Cacumbi, o Maracatu, os Parafusos, o Guerreiro e outras danças folclóricas.

Muitas misturam santos, reis, Deus, história dos negros escravos e cultura africana. De uma riqueza cultural ímpar.

taieira-razões-para-amar-sergipe
A taieira faz parte do circuito natalino de festividades culturais e é considerada patrimônio imaterial do estado.

68. A queijadinha de São Cristóvão.

queijadinha-de-são-cristóvão
Famosa e gostosa.

69. A coxinha gigante de catupiry da Casa Alemã.

Algumas delícias da Casa Alemã poderiam ser listadas como razões para amar Sergipe, como a torta de frango, mas nenhuma é mais icônica do que a coxinha de catupiry.

razões-para-amar-sergipe-blog-declara2.-min-1024x505
A melhor coxinha que existe. Sério.

70. O Parque dos Falcões, em Itabaiana.

parque-dos-falcoes-razões-para-amar-sergipe
Parque dos Falcões, em Itabaiana.

71. O passeio de teleférico no Parque da Cidade.

vista-telefc3a9rico-parque-da-cidade-razões-para-amar-sergipe
Vista panorâmica de Aracaju. | Foto: Miss Check-in.

72. A manteiga de garrafa.

Uma das mais deliciosas razões para amar Sergipe.

73. A praia de Aruana, com vários bares com comida boa.

praia-de-aruana-razões-para-amar-sergipe
Praia de Aruana, em Aracaju.

74. O carnaval de Neópolis.

Festa, folia e frevo todo ano.

75. Fest Verão, em Aracaju.

Prévia carnavalesca para quem gosta de começar a festejar antes mesmo do feriado.

76. Os bloquinhos aracajuanos.

Marchinhas para todos os gostos acontecem na capital antes, durante e depois do carnaval.

77. O beiju molhado.

beiju-molhado-razões-para-amar-sergipe-1024x581
Típico e gostoso demais.

78. A Praia da Caueira, em Itaporanga d’Ajuda.

79. A Praia do Mosqueiro.

80. A panificação União, em Aracaju.

A melhor padaria, a melhor rosquinha, o melhor sonho de doce de leite e o melhor pão de queijo da cidade.

81. A moqueca de camarão com banana da terra do Restaurante Tototó.

1 desejo de todas as horas: moqueca de camarão. Essa é maravilhosa e é do Restaurante Tototó em Aracaju-SE.

A post shared by Blog DeClara (@blogdeclara) on May 9, 2016 at 5:34pm PDT

82. A vista da ponte do imperador, em pleno centro da cidade.

Turismo-em-Aracaju-Ideias
Foto: Edinah Mary.

83. As festas de São Pedro em Capela.

Muita festa para quem curte mais festa junina do que carnaval.

84. A tradicional renda irlandesa.

85. O Oceanário do Projeto Tamar.

86. As tortas maravilhosas da Chocolamour.

Torta pralinée da Chocolamour, em Aracaju. Não há palavras.

87. O talento da cantora Patricia Polayne.
https://www.youtube.com/embed/JhYgRqy6ozM
88. O acesso rapidinho à Bahia, essa linda.

89. A Casa do Doce Caseiro, que fica na estrada entre Aracaju e Itabaiana.

doce-de-leite-Casa-do-Doce-Caseiro-razões-para-amar-sergipe
Um de cada, por favor.

90. Praia do Cabeço, em Brejo Grande.

razões-para-amar-sergipe-povoado-do-cabeço
Farol do Cabeço.

91. O cuscuz de tapioca e também o cuscuz de arroz.

cuscuz-de-tapioca-razões-para-amar-sergipe-1024x768
Irresistível cuscuz de tapioca.

92. As bibliotecas públicas.

93. O catadinho de aratu.

94. A vista panorâmica da Barra dos Coqueiros, do outro lado do Rio Sergipe.

aracaju-rio-sergipe-credito-thinkstock-508378845
A Barra dos Coqueiros, do outro lado do Rio Sergipe.

95. A Orquestra Sanfônica de Aracaju.

96. Os romiás da Bonjour, que eu não achei em lugar nenhum mais.

razões-para-amar-sergipe-blog-declara3-min-1024x852
Meus biscoitos favoritos da vida.

97. O povoado da Ribeira e suas belezas naturais.

ribeira-razões-para-amar-sergipe
Bênção da natureza.

98. A Praia do Abaís.

99. A originalidade das esculturas de Beto Pezão.

beto-pezão-Beto-Pezão.
Esculturas do artista sergipano Beto Pezão.

100. O CCTECA Galileu Galilei.

CCTECA-Externa-01-Augusto-Cesar-Beto-Pezão.-1024x768
Casa de Ciência e Tecnologia da Cidade de Aracaju. Tem um planetário!

101. O couvert do Restaurante O Trevo.

O melhor. Da próxima vez que for lá, tiro foto para colocar aqui.

102. A beleza da Praia dos artistas.

Uma das mais bonitas praias de Aracaju é também a única perigosa.

103. O Centro Cultural de Aracaju.

104. Os camarões graúdos, gostosos e baratos do Restaurante São Miguel, no Povoado Calumbi.

calumbi-camarões-razões-para-amar-sergipe-1024x680
Camarões de todos os tipos e todos gostosos e a bons preços: chega a ser emocionante.

105. Os 22 rios que banham o estado.

106. A Praia do Robalo, em Aracaju.

107. O trabalho da Creche Ação Solidária Almir do Picolé.

Coisa linda de se ver. Leia mais aqui.

108. O moderno Teatro Tobias Barreto, em Aracaju.

109. A Feira Livre de Itabaiana, a maior do estado.

110. Os sushis e o rodízio do Sushimori.

Dos primeiros restaurantes de cozinha japonesa a chegarem no estado, o Sushimori é um clássico que não sai de moda. Não saia de lá sem experimentar o sushi hot de camarão, salmão grelhado, cream cheese e massa de harumaki. Sério.

Um dos rodízios mais caros da cidade, mas o melhor que provei até hoje. Arrisco dizer que é melhor até do que o Mori, o meu rodízio japonês preferido em Aracaju.

111. O legado do artista Jenner Augusto.

Jenner-Augusto-razões-para-amar-sergipe-1024x708
As pinturas de Jenner Augusto.

112. O Banho do Prata, em Japaratuba.

grande-japaratuba-1-razões-para-amar-sergipe
As águas cristalinas do Banho do Prata.

113. Maturi, que ficou famoso com Tieta do Agreste, livro de Jorge Amado.

Peneira-maturi-razões-para-amar-sergipe-1024x685
O famoso maturi.

114. Calçadão da Praia Formosa, em Aracaju.

grande-calcadao2_150716-queijo-coalho-razões-para-amar-sergipe
É bonito, só é uma pena que tenha sido construído em cima do mangue.

115. A proximidade com as praias maravilindas de Alagoas.

116. O Palácio Museu Olímpio de Campos, em Aracaju.

palácio-museu-olímpio-de-campos-razões-para-amar-sergipe-1024x680
Palácio Museu Olímpio de Campos, em Aracaju-SE.

117. A linda e bem frequentada Reciclaria, complexo de restaurantes vegetarianos.

A Reciclaria e o seu climinha de aconchego.

118. A beleza natural do povoado Crasto em Santa Luzia do Itanhy.

À noite, o céu é uma verdadeira obra de arte. O povoado é de pescadores, então os peixes também são maravilhosos.

razões-para-amar-sergipe-blog-declara4-min-1024x730
Povoado Crasto, em Sergipe.

119. A brisa gostosa que bate em vários cantos da capital.

120. A belíssima Poção de Pedras, em Nossa Senhora de Lourdes.

Cachoeira-de-Lourdes-razões-para-amar-sergipe
Cachoeira de Lourdes.

121. O premiado grupo de teatro Imbuaça.

A mais antiga companhia de teatro de rua do país ainda em atividade.

122. O café da manhã da Pand’Oro.

Maravilhoso.

123. A Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe (Avosos).

124. As porções de vinagretes “refis” na maioria dos bares.

Sim, na maioria dos bares de Aracaju, você não paga por pedir outras porções de vinagrete. O vinagrete é considerado um “tempero”, como azeite ou limão espremido. Amo.

125. A tranquila Praia de Pirambu.

126. O Pantanal Sergipano.

Não muito conhecido, o Pantanal Sergipano é, sim, uma das razões para amar Sergipe. Lindo!

Belezas-Naturais-do-Pantanal.-Foto-CVC-Divulgação-Pantanal-Sergipano-razões-para-amar-sergipe
O Pantanal Sergipano.

127. Os hambúrgueres gourmets com preços justos, como o do Garage 585 e o da Terra Tupi, em Aracaju.

Em Aracaju, é bem fácil encontrar hambúrgueres por menos de 20 reais ou por 20 e poucos reais, mas acompanhados de bastante batata frita. No interior, eles ficam ainda mais baratos. Melhor nem lembrar o preço das hamburguerias paulistanas para não chorar.

razões-para-amar-sergipe-blog-declara5-min
Água na boca define esse hamburguer gigante do Garage 585, em Aracaju.

128. A banda de rock The Baggios.
https://www.youtube.com/embed/ROm_04vx2mc

129. Os famosos bricelets do Lar Imaculada Conceição.

Biscoitos doces deliciosos de massa fina feitos pelas freiras há décadas. A receita é guardada a sete chaves.

bricelets-razões-para-amar-sergipe
A receita tem origem Suíça.

130. O fato de que ninguém precisa viajar para ir à praia.

Ao contrário da maioria dos estados do Sudeste, Centro-Oeste, Norte e até do próprio Nordeste, onde muitas vezes as praias da capital estão inaptas ao banho. As praias de Aracaju são acessíveis, urbanas e liberadas para banhistas.

131. O rodízio de carne (e sushi) da Churrascaria Sal & Brasa, que varia entre 35 e 50 reais.

Só uma das muitas churrascarias com rodízio com essa média de preço. O destaque foi pra ela porque, além de tudo, ainda tem sushi gostoso.

churrascaria-sal-e-brasa-razões-para-amar-sergipe
Rodízio de churrasco e sushi no Restaurante Sal & Brasa.

131. O projeto Remada com Faxina.

Um projeto social liderado pela SUP Amigos, uma pequena empresa turística que aluga equipamentos para a prática do esporte. O projeto ensina crianças da comunidade a praticarem SUP e, enquanto se divertem, limpam os lixos jogados no rio Vaza Barris e nas praias da redondeza. As crianças ainda ganham lanche e livros. Fofura.

132. As promoções diárias de temakis dobrados em diversos lugares, como o Mori e o Hiroki.

Não importa o dia ou a hora (contanto que seja antes da 1h da manhã), sempre será possível encontrar uma promoção de temaki dobrado e delícia em Aracaju. Temakis gostosos e baratos? Boas razões para amar Sergipe, sim.

133. A arte de Leonardo Alencar.

A arte linda de Leonardo Alencar. Fiz aulas de pintura com ele!

134. A Cachoeira do Saboeiro, em Lagarto.

Cachoeira-do-Saboeiro-em-Lagarto.-
Cachoeira do Saboeiro, em Lagarto-SE.

135. O cardápio diferentão e bem nordestino da Terra Tupi.

Queijo coelho, couve, carne do Sol, macaxeira, charque… A Terra Tupi pega ingredientes típicos da região e transforma em sanduíches e refeições diferentes, deliciosas e com preços muito justos.

Os hambúrgueres da Terra Tupi parecem bons demais para ser verdade. Mas são.

136. A banda Elvis Boamorte e Os Boavidas.

137. O Encontro Cultural de Laranjeiras.

Referência nacional no estudo do folclore e na preservação da arte popular.

138. A Igreja de São Judas Tadeu e o Convento dos Capuchinhos no Bairro América, em Aracaju.

139. O pastel do bar do Joel.

Com a massa do antigo pastel do Corno Velho. Todo bom aracajuano sabe que o pastel do Corno Velho era o melhor pastel da cidade, mas talvez não saiba que o restaurante mudou a massa, mas ainda é possível encontrá-la no bar do Joel, no comecinho da Orla.

140. Os ovos de galinha de capoeira em qualquer feira livre.

Para quem não sabe, galinha de capoeira é a galinha criada livre e que come comida de verdade e não hormônio.

141. O famoso Poço das Moças.

Poço-das-Moças-sergipe-1024x768
Poço das Moças, em Sergipe.

142. O belo trabalho da AMO (Associação dos Amigos da Oncologia).

143. O Rio das Pedras, em Itabaiana.

144. A autêntica banda dos corações partidos.

A minha banda sergipana preferida.

145. O nostálgico Hotel Fazenda Boa Luz.

EXCURSÃO-PARA-O-BADALADO-HOTEL-FAZENDA-BOA-LUZ-848x500-razões-para-amar-sergipe
Gosto de infância.

146. O movimento Escalada, que não é só sergipano, mas que é forte por lá.

147. A Cachoeira da Macambira.

148. As pinturas coloridas de Adauto Machado.

149. O Centro Social Esperança de Deus, no povoado Porto do Mato, em Estância.

Fruto do trabalho do missionário austríaco Humberto Leeb.

150. Os croissants e folhados da Forneria.

Deliciosas razões para amar Sergipe, Aracaju e a própria Forneria.

Croissants da Forneria, em Aracaju.

151. A banda Sandyalê.

O sotaque, a sonoridade, as letras…

152. A Praia dos Náufragos.

153. Passeio de barco pela foz do Rio São Francisco a partir de Brejo Grande.

Rio-São-Francisco-foz-do-Rio-São-Francisco-a-partir-de-Brejo-Grande.
O belo e misterioso Velho Chico.

154. A banda Héloa.

155. As apresentações anuais das escolas de dança aracajuanas, como a Studium Danças e a Passo a Passo.

Fazem parte da cultura aracajuana.

156. O Mundo Mágico da Criança, em Aracaju.

Nostalgia!

157. A Festa dos Caminhoneiros em Itabaiana.

Maior centro comercial do interior do Estado de Sergipe, em homenagem ao padroeiro Santo Antônio.

158. A cidade histórica de Laranjeiras.

laranjeiras-em-sergipe-cidade-histórica-de-Laranjeiras-1024x682
O charme e a história de Laranjeiras, em Sergipe.

159. As músicas de Alex Sant’Anna.

Essa música. <3

160. O projeto Jogando Limpo com o Mangue.

Uma iniciativa do RioMar Shopping com o apoio da Emsurb, SEMA, CARE, Colônia de Pescadores Z-1, Instituto Bioterra, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental e SEMARH.

161. O fato de que Aracaju é a capital da qualidade de vida no Nordeste. 

E que Sergipe foi o primeiro estado nordestino a realizar um transplante cardíaco.

162. E, é claro, a magia de Aracaju, que sempre deixa no peito a vontade de morar lá.

Por isso, pelos preços e por tantas dessas 162 razões para amar Sergipe que tem tanta gente de fora morando na capital. E são sempre bem-vindos!

Gostou das razões para amar Sergipe? Clique para ler mais posts da categoria Explorar esobre Sergipe.


 E aí, cê gostou? Se sim, me acompanhe nas redes sociais ☀
Instagram, Facebook, Pinterest.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Compartilhe

clara-fagundes-pesquisadora-do-futuro

27 anos, nordestina em SP, publicitária graduada e pós graduada pela USP, escritora e apaixonadíssima por moda, cinema, viajar e sorvete. Fico entediada bem rapidinho com as coisas, então, costumo fazer várias ao mesmo tempo. Vivo à procura de encanto.

Categorias

Podcasts de Clara

Encante-se com o trabalho de Clara

Carta Bruxa

Deixe seu e-mail para ser surpreendida com uma newsletter quinzenal mágica na sua caixa de entrada.

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!