Elitismo cultural: explicando

Elitismo cultural: explicando

Elitismo cultural é a ideia de que só umas produções artísticas e culturais são válidas, mas o que é “popular”, não. 

Assim, há uma minoria que compõe a “elite cultural” e define o que é cultura

“Você vê BBB? Que perda de tempo! Por quê não vai ler um livro?”
“Quem não gosta disso é porque não entende”
”É um filme para poucos.”
“Ah… desde quando isso é música?”
“Tem que ser muito burro para gostar de ver ou fazer isso”
“O povão não gosta de coisa boa, só dá valor a baixaria”
“Não é opinião, é que essa música É ruim.”
“Ah, você gosta desse tipo de filme? Então você não sabe o que é cinema de verdade.”

ELITISMO CULTURAL

Ah… o elitismo cultural. Pensei que a essa altura já teríamos superado isso. Infelizmente, não.

Você sabe o que é elitismo cultural? É a ideia de que só algumas produções artísticas e culturais são boas e válidas, enquanto a maioria não é. 

Na mesma lógica, o seleto grupo das pessoas que consomem essas alternativas aceitáveis, boas o suficiente para serem consideradas cultura, forma a elite cultural.

A elite cultural despreza tudo que é popular e brasileiro. Não assiste as bobagens que passam na TV aberta. Passa o fim de semana folheando livros de psicanálise e vendo documentários em sueco. Nunca assistiu a UM filme dublado sequer, nem mesmo uma animação. E o requisito fundamental: Acha que pode julgar o que é cultura de acordo com seus gostos.

O DELÍRIO DA SUPERIORIDADE

A maioria dos preconceitos passa pelo mesmo desejo humano: o da superioridade – por conta da raça, da origem, do peso, do sexo, da crença. E o elitismo cultural passa por muitos desses e acrescenta uma nova camada: O consumo de arte, entretenimento, e cultura.

É uma lógica excludente, semelhante à do luxo. Se muitos têm acesso, então não é valioso. Se não é sobre e para as pessoas da elite, não é arte, não é cultura, só é vulgar.

Inclusive, vulgar significa algo relacionado a plebe, ou seja, ao povo. Coincidência?

LAZER NÃO EXISTE?

Assim como na discussão sobre o mito da futilidade feminina, é impossível não pontuar aqui que ninguém é produtivo 24 horas por dia.

Lazer existe, e como as pessoas lidam com ele é subjetivo. Há momentos para aprender, trabalhar, descansar, e eles não vão ser entendidos iguais por pessoas diferentes. É preciso aceitar e até abraçar essa subjetividade.

Você pode descansar estudando alemão e a sua vizinha vendo novela. Seu amigo pode amar filmes finlandeses e conceituais enquanto você ama uma boa série de super-herói. Sua amiga pode ir trabalhar ouvindo um podcast educativo e denso, enquanto você vai ouvindo um pagodão.

Nenhum de vocês vai ser melhor ou pior por isso, porque são pessoas, objetivos, realidades, contextos e momentos diferentes!

Ninguém é melhor só porque não vê BBB, ouve funk, ou consome cultura pop. Vamos superar isso aí?

E, para finalizar, encerro esse post com uma lista definitiva das…

COISAS QUE NÃO TE FAZEM SER MELHOR QUE AS OUTRAS PESSOAS

Ninguém melhor que ninguém só por não ver…

Reality shows,
Novelas,
Séries teen,
Comédias românticas,
Programas de auditório,
Animes,
Filmes da Disney,
Filmes de heróis,
Filmes dublados,
Vídeos no tiktok, Instagram e YouTube.


Ninguém é melhor que ninguém só por não ler

Romances,
Young Adult,

Fantasia,
Drama,
Terror,
Suspense,
Fofocas de celebridades,
Livros em PDF,
Mangás,
HQs…


Ninguém é melhor que ninguém só por não ouvir…

Funk,
Forró,
Brega,
Pagode,
Pop,
Axé,
RAP,
Sertanejo,

K-pop!

✨✨✨

Você já foi julgado(a) por gostar de algo? Filme, série, livro, música, reality? Conte nos comentários! 🧙‍♀️

Compartilhe se você também acha que elitismo cultural nem deveria acontecer em 2022…

Acompanhe @clarafagundes para mais conteúdos educativos e análises sobre o universo pop!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Compartilhe

clara-fagundes-pesquisadora-do-futuro

27 anos, nordestina em SP, publicitária graduada e pós graduada pela USP, escritora e apaixonadíssima por moda, cinema, viajar e sorvete. Fico entediada bem rapidinho com as coisas, então, costumo fazer várias ao mesmo tempo. Vivo à procura de encanto.

Categorias

Podcasts de Clara

Encante-se com o trabalho de Clara

Carta Bruxa

Deixe seu e-mail para ser surpreendida com uma newsletter quinzenal mágica na sua caixa de entrada.

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!