para viver melhor: elogie mais
Inspirar, Sentir

Se vir algo lindo em alguém, elogie | Para viver melhor

Se achar algo lindo em alguém, elogie. 

Elogiar, por vários motivos, não costuma fazer parte da nossa rotina.

Isso já começa na infância. As crianças não só não são incentivadas, como chegam a ser repreendidas ao distribuir elogios “gratuitos”. E, assim, um gesto que é natural vira motivo de constrangimento. Com a pré-adolescência e a adolescência, o cenário muda: qualquer elogio pode ser interpretado como uma cantada. Se não pela pessoa que recebeu, será pelos outros adolescentes e até adultos ao redor. E, assim, um gesto que era inocente, embora já tivesse um quê de constrangedor, ganha também o peso das segundas intenções. Na fase adulta, então, o ato de elogiar é praticamente esquecido. Confundidos com flerte, invasão, persistência e até falsidade, os elogios sinceros acabam guardados naquele cantinho do coração onde ainda somos crianças. Ou seja, a ausência de elogios no nosso dia a dia não é nenhum mistério. Aliás, é até bem compreensível, considerando a reação a eles em cada uma das fases da vida. O que não quer dizer isso que seja certo, muito menos que seja algo impossível de mudar.

Como todas as mudanças de hábito, se acostumar a elogiar outras pessoas depende só de… Bem, começar a elogiar outras pessoas.

Elogie sem esperar nada em troca

Preste atenção nas pessoas que te cercam e nas pessoas que você ama… e elogie. Elogie de coração aberto e sem esperar nada em troca. Porque, assim como as gentilezas, elogiar é uma escolha que deve depender só de você. Até porque, se já for feito 100% na intenção de um retorno, é uma estratégia de persuasão, não um elogio sincero. Entende? Elogie porque é verdade e porque você encontrou algo lindo no outro. Simples assim.

Se a sua colega de trabalho cortou o cabelo e apareceu maravilhosa no escritório, elogie.

Se o seu amigo decidiu deixar a barba crescer e de repente ficou bem mais bonito, elogie.

Se a sua mãe acordou mais linda do que nos outros dias por qualquer motivo, elogie.

Se um desconhecido escreveu um texto incrível, elogie. Por que não?

Aprenda a elogiar

Agora, veja bem, um adento importantíssimo: para elogiar alguém, você não precisa jogar os outros para baixo.

Aquela pessoa não precisa ser a “única” a ficar linda com um determinado tipo de roupa, não precisa ser uma “mulher diferente das outras” pra ser inteligente e nem precisa ser a “salvação” em meio a um mundo de pessoas iguais. Muito pelo contrário, pense nos elogios como os abraços das palavras. Você pode, tranquilamente, abraçar todas as pessoas em uma sala sem que um abraço estrague o outro ou deixe o gesto menos bonito.

Abraçar é bonito. Elogiar é bonito. E, não só é possível, como altamente recomendável elogiar a pessoa pelo que é… E não pela comparação com os outros. Principalmente, se a construção do elogio se basear claramente na crítica a outras pessoas.

Aprenda a se deixar elogiar

Se deixar ser elogiado é ainda mais difícil do que elogiar outra pessoa.

Sabe por quê? Porque somos ensinadas a confundir autoestima com arrogância. Porque se sentir bem no próprio corpo ou personalidade é considerado um comportamento nada charmoso ou educado. Sim, isso se encaixa principalmente às mulheres. Enquanto a arrogância masculina é exaltada em algum nível em praticamente todas as situações, o simples fato de uma mulher aceitar um elogio com um “é verdade” ou um simples “obrigada” pode transformá-la em metida, fútil e outras coisinhas mais. Para uma mulher, não admitir ou mesmo não saber da existência da sua beleza, por exemplo, faz dela ainda mais bonita. E, no momento em que ela descobrir, é melhor deixar de elogiar… Ou ela ficará se achando, né? A resposta é: que fique!

Qual o problema em se sentir bem consigo mesma? E esse pode ser um tema de um post, então vou parar por aqui pra voltar nesse ponto em outro texto.

Pois bem, estava falando sobre como é mais difícil se deixar elogiar do que elogiar outra pessoa. Um fato que, inclusive, sinto na pele, já que costumo elogiar pessoas com a maior naturalidade do mundo desde que me lembro… Ou, ao menos, desde que acordei pra essas coisas que citei. Mas, ainda hoje, me pego descumprindo os 5 passos essenciais para aprender a se deixar elogiar. Diariamente. Quer saber quais são eles?

Os 5 passos essenciais para aprender a ser elogiada

1. Não se justifique
Exemplo:
A: Você está muito linda hoje!
B: É que hoje eu me maquiei.

2. Não retribua por impulso
Esse é um clássico: se sentir na obrigação de sempre, sempre, sempre retribuir o elogio. Você pode, é claro, mas não precisa. Se você se sente obrigada a isso, seu elogio de rebote perde até o gostinho de elogio sincero e dado de bom grado.

3. Não diminua
Exemplo:
A: Como você é boa no que faz, nossa!
B: Ah, que é isso… Não é tão difícil quanto parece, qualquer um faria.

4. Não contradiga
Exemplo:
A: Como você tá gata. Olhe esse corpo!
B: Tô não… É o vestido que engana.

5. Se permita se sentir bem
Se alguém elogia algo em você e você já aprendeu a se deixar ser elogiada, vai saber que tudo bem se sentir bem com esse elogio. Chega de culpa, constrangimento, censura. Sorria e agradeça.

☀☀☀☀☀


Pode cronometrar: mesmo um elogio mais elaborado não chega a durar 30 segundos da sua vida.

Gostou? Clique aqui para mais posts da categoria “Inspirar” do Blog Declara.


Psiu, me acompanhe nas redes sociais, sim?
antix barrado papoulas blog declara elogie
Instagram, Facebook, Pinterest.
Previous Post Next Post

❤ Você também vai gostar ❤

19 Comentários

  • Responder Tatiana Castro 16 de setembro de 2016 at 12:48 AM

    Clarinha, arrasou com esse post! (Sim, um elogio super sincero, pois esse tema é muito relevante. <3 )
    Para mim é muito fácil elogiar e já faz parte da minha personalidade. Acredito que seja uma questão de empatia… quando você se coloca no lugar do outro, o elogio sai naturalmente.
    Agora, tenho sérios problemas em ser elogiada e nunca pensei sobre isso até ler seu texto. Acho que é uma mistura de timidez com auto estima rebaixada, como se nada do que faço seja digno de prestígio.
    Obrigada pelos exemplos práticos, são muito úteis, principalmente para sabermos que não somos as únicas a reagir desse modo.
    Beijos!

    View Comment
  • Responder Janaine Bagatini 16 de setembro de 2016 at 12:56 AM

    Acabei de ver um video da Tá, querida que trata de uma coisa parecida! Adorei <3
    Uma outra coisa que eu queria acrescentar é: se você elogiar, você precisa saber que pode receber diversas respostas, tanto um simples "obrigada", um "que isso, nem sou assim" e também um "sou mesmo, sou maravilhosa" e você precisa ficar FELIZ por a pessoa se sentir maravilhosa. Você precisa aprender a se sentir feliz pelo outro. É uma coisa que parece bem difícil pra algumas pessoas, percebo isso bastante.
    Há um tempo atrás eu já tinha lido algo sobre elogiar, mas eu pensei algo do tipo "Por que eu vou me forçar a elogiar se eu não pensei em elogiar? Se eu me forçar a fazer algo, não vai ficar natural, então o elogio não vai ser completamente sincero, aí é melhor nem elogiar né?" Mas depois de um tempo, percebi que numa roda de amigos, eu percebo coisas pequenas, como uma amiga que fala bem, uma amiga que tem um talento, uma amiga que tem o cabelo bonito, que fez uma maquiagem legal, etc. Mas eu tinha o costume de olhar, gostar, e guardar pra mim. Aí percebi que ERA ESSA A QUESTÃO! Guardar pra si pra que, se você pode contribuir para o dia de alguém ser melhor? ?
    Teus posts sempre me fazem refletir.
    Um beijo,
    http://www.janainebagatini.com/

    View Comment
  • Responder Nattany Martins 16 de setembro de 2016 at 8:22 AM

    Elogiar é uma questão super natural pra mim. O mais legal dessa questão é ver que todo mundo tem algo bom. A sociedade ensina pra gente que ninguém presta; ninguém é bom o suficiente… Tá na hora de acabar com isso né?

    View Comment
  • Responder Paola Costa 16 de setembro de 2016 at 8:37 AM

    Nossa, muito bom acordar já com uma mensagem dessas 🙂
    Desde que eu percebi como é importante elogiar, eu sempre tento fazer isso, mas confesso que não sigo praticamente nenhum desses passos para se deixar ser elogiado, e nunca tinha me tocado, sabe?
    Muito obrigada pelas dicas!! Vou tentar me deixar ser elogiada de forma melhor! haha
    Bjs!

    View Comment
  • Responder VANESSA BRUNT 16 de setembro de 2016 at 2:51 PM

    “Agora, veja bem, um adento importantíssimo: para elogiar alguém, você não precisa jogar os outros para baixo”. Tantas mensagens incríveis, bacanas e importantes em uma só postagem. Quero compartilhar para o mundo! Parece que é simples, que todos sabemos de tudo isso, mas na verdade esquecemos ou agimos, no mínimo, como “mandam as regrinhas sociais” que são tão repletas de inversões de papéis. Que delícias de reflexões conjuntas com uma base que impulsiona tanto respeito, autoconhecimento e ciclos de gentilezas que geram outros. Post importantíssimo, fundamental e belíssimo, Cla. Ai, como admiro você.

    http://www.semquases.com

    View Comment
  • Responder Lya Noleto 16 de setembro de 2016 at 5:45 PM

    Exatamente como disse elogiar sem esperar nada em troca , vou começar a fazer tb , praticar o elogio pra mim sentir bem e também quem está sendo elogiado ❤

    View Comment
  • Responder Luma Vieira 16 de setembro de 2016 at 7:35 PM

    Gostei muito deste post e pelas dicas por que de fato vamos perdendo o “jeito” de elogiar e receber elogios. Parabéns pela iniciativa. Beijão

    View Comment
  • Responder Isabela Luccas 16 de setembro de 2016 at 9:38 PM

    Uma das minhas paixões: Elogiar!
    Amo elogiar outras manas quando as vejo, principalmente quando é desconhecida e acho ela linda ou que ela tem um estilo maravilhoso. Infelizmente muitas meninas não gostam, acham que é falsidade, retrucam de forma grosseira… Uma pena, como você disse “é preciso aprender a ser elogiada também”. Tem coisa melhor que ouvir um elogio sincero? Olha, eu fico sorrindo que nem boba o dia todo kkk Ainda preciso aprender a não dar desculpas do pq “estou linda aquele dia” etc, mas já melhorei muito \o/

    View Comment
  • Responder Erika 16 de setembro de 2016 at 11:16 PM

    Oi Clarinha, tudo bem? Realmente nós não somos acostumados a elogiar. Em alguns casos quando elogiamos as pessoas já perguntam se estamos “querendo algo”. Sim, já presenciei várias situações em que ouvi essa frase. Ou então o outro lado, quando ouvimos elogios sobre nós mas ficamos sem graça ou começamos a nos diminuir, para que a outra pessoa não pense que estamos “nos achando”. Acredito que elogios deva ser algo que vem de dentro, que é espontâneo, assim como as amizades, os sorrisos, o ombro amigo, tudo que é feito com amor rende mais frutos. Gostei do texto, muito inspirador. Beijos, Érika *-*

    View Comment
  • Responder Gabriela Dahmer Coitinho 16 de setembro de 2016 at 11:34 PM

    Oi Clara, eu sou aquele tipo de pessoa que adooooora elogiar. Se acho bonito elogio mesmo e nunca me sinto na obrigação de retribuir se alguém me elogia. Porém, por brincadeira, principalmente entre amigos eu costumo me diminuir ou contradizer, mas só de sacanagem sabe kkkkk adoro fazer isso, mas só com quem sabe que no fundo é só zoeira e eu não pense dessa forma.

    Amo ser elogiada, geralmente agradeço pq isso faz um bem tão gostoso. O problema que muitas pessoas deixam de elogiar e ainda vem com desculpas “ah, não vou elogiar pq tu recebe isso sempre”. Pow, aí não né colega?! kkkk

    Mas algo que me chateia muuuuuito e. principalmente quando eu namorava, que eu não podia elogiar o trabalho de alguém. Por exemplo, eu acompanhava a carreira de alguns modelos(as) e não vejo problema nenhum em elogiar, não sou do tipo que faz por segundas intenções, mas aí a pessoa já leva pra outro lado, meu ex ficava p da vida comigo, mesmo eu nunca dando motivos para achar que eu trairia.

    É o mesmo que tu elogiar alguém e essa pessoa achar que tu tá cantando. Admito que já cometi isso, porque, as vezes, as pessoas são sabem entoar da forma certa. Acho que isso que gerou toda essa confusão de interpretações erradas.

    Adorei seu post!

    Beijos,

    View Comment
  • Responder Millara Guedes 22 de setembro de 2016 at 9:07 PM

    Oi adorei o blog, primeira vez que visito e vou voltar sempre bju

    View Comment
  • Responder kamii 22 de setembro de 2016 at 11:48 PM

    Esse texto também está incrível! Eu acho muito legal gente que consegue elogiar sinceramente, não custa nada e faz alguém mais feliz!
    Minhas colegas de sala em geral são muito gentis nesse sentido, vira e mexe recebo um elogio do meu cabelo, estilo ou afins e isso fez com que eu começasse a elogiar quando gosto de algo também <3

    View Comment
  • Responder Laura Nolasco 23 de setembro de 2016 at 12:25 PM

    Moça, seus textos são sempre tão incríveis!
    Tenho uma seria dificuldade com elogios, mas vem melhorando… Eu meio que não sei falar com outras pessoas, sabe? Sou MUUUUITO introvertida pessoalmente e aí parece que dizer qualquer coisa pra outra pessoa chega a doer… Isso melhorou muito com um grupo feminista do meu colégio ❤ Percebi que algumas meninas sempre elogiavam todo mundo e eu achava isso maravilhoso nelas, então comecei a tentar também… Ainda acho difícil fazer isso com pessoas fora desse grupo, sempre rola um olhar meio estranho/de surpresa e tenho vontade de virar avestruz e enfiar a cabeça num buraco na terra hahah… Mas aos poucos isso vai melhorando hahah!
    Receber elogios foi mais difícil, eu meio que nunca acreditava, sabe? Já cheguei a pedir pro namorado parar de me elogiar porque me dava vontade de chorar. Enfim. Acho que tem ficado mais natural também, por perceber que a gente faz sim elogios sinceros e que não tem nada de errado sabe?
    Beijos!

    View Comment
  • Responder Ellen 23 de setembro de 2016 at 7:05 PM

    E tem gente que pensa que quem elogia é uma pessoa insegura que fica buscando se identiticar com os outros, fazer alguma ligação. Concordo que devemos sempre nos expressar e elogiar algo ou alguém quando temos vontade.

    View Comment
  • Responder Samira Oliveira 25 de outubro de 2016 at 8:00 PM

    Que post mais amorzin <3 tinha visto ele faz tempo mas esqueci de vir comentar kkkk – pessima eu sei.
    O que eu sempre faço é me diminuir perante o elogio ou me justificar como se não fosse normal receber um elogio, na verdade acho que as unicas horas que fico vermelha são essas haha nao sei reagir. Embora eu sempre elogie algo em alguém, as vezes na rua com outras mulheres eu já fiz isso. Ou alguem no metrô que parece estar meio chateada e que voce percebe que deixa se aproximar, eu falo. Pra quem nao conheço direito também – uma vez na Letras uma menina me parou no corredor – detalhe, eu estava correndo atras de uma profa porque eu ia atrasar a entrega do trabalho e precisava chorar pra ela explicando porque, eu tava desesperada, descabelada e quase em prantos e ai essa menina me para e enão sabia se voltava a correr atras da profa ou ficava, eu fiquei. Ela disse "ah, desculpe, eu só ia dizer que seu cabelo é muito bonito, sempre vejo você aqui" Caraca, aquilo foi um tapa na cara porque foi MUITO verdadeiro sabe? Eu costumo fazer isso mas nunca recebi um tão sincero e fofo. Ai eu até deixei a profa pra depois e fiquei conversando com amenina -hoje somos amigas e eu to ensinando ela a usar a henna pra ficar ruiva <3 acho que foi a coisa mais linda que me aconteceu sobre esse assunto heheh.

    View Comment
  • Responder Como saber que ele não te ama | Amor platônico ou amor real? - Blog DeClara 11 de janeiro de 2017 at 12:37 AM

    […] Elogios nem sempre são flertes – ainda bem. Mas são, sem dúvidas, grandes armas na hora da paquera. Isso porque, além de sinais de apreciação, indicam uma admiração dele em relação a você. Não precisam ser elogios diretos ou românticos. Comentários bons sobre o seu jeito de falar, de escrever, algum sinal de nascença, um projeto que desenvolveu ou até o novo corte de cabelo servem. E, lembre-se: sempre que vir algo lindo em alguém, elogie. […]

    View Comment
  • Responda