blog declara o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão gastando pouco blogueira de viagem22 trem emilio ribas
Explorar

O que não vale a pena fazer em Campos do Jordão!

Descubra o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão

Moro em SP já há 7 anos, mas conheço pouco do interior e do litoral paulistano. Em 2018, porém, decidi começar a explorar mais esse estado que virou minha casa. Por sorte, recentemente, minha mãe e minha tia vieram me visitar já com planos de irmos conhecer Campos. Comecei aí a minha saga atrás de roteiros, passeios e dicas com o que vale e o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão.

O problema é que muito do conteúdo sobre a cidade é antigo, incompleto ou pago. Não que conteúdo pago seja ruim – inclusive, me contratem! -, mas conteúdo pago sem preços e até sem fotos não me serve de nada. Mesmo em meio a esses obstáculos, montei o meu roteirinho de viagem e agora posso fazer o que, como blogueira, sinto que é minha obrigação: responder às perguntas que eu tive e não foram respondidas antes de viajar. E a primeira delas era exatamente essa: o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão?


Você provavelmente também vai se interessar por esta matéria completona: “o melhor de Campos do Jordão gastando pouco – estadia barata, melhores passeios, o que e onde vale a pena comprar, onde comer gastando pouco, o que fazer de graça por lá e mais”.

O que não vale a pena fazer em Campos do Jordão em 6 passos
  1. Passeio de bondinho

O passeio de bondinho o pela cidade sai da estação Emilio Ribas e foi indicado não por um, mas por vários blogs e sites como um passeio imperdível em Campos. E lá fui eu, felizinha, praticamente direto da rodoviária para a estação pegar o bondinho que me levaria para conhecer a chamada Suíça brasileira. O bondinho estava quase vazio, já que fomos em baixa temporada, mas havia um suposto guia no vagão. Suposto porque, nos 50 minutos em que andamos de trem, ele não abriu a boca para falar nada. Ficou literalmente o tempo todo no celular sem dar um pio. O passeio acabou e ele virou, engraçadíssimo, e disse: “espero que tenham gostado do passeio! Obrigado!”

Por que não vale a pena: é um passeio de  bonde sem paradas, que passa por vários lugares feios ou meio abandonados (como construções pichadas e uma favela), onde você não aprende nada sobre a cidade porque o guia não fala nada durante o trajeto.

Cada uma de nós pagou R$15 e não valeu o preço do ingresso.

  1. Ducha de Prata

Esse ponto turístico é gratuito, mas também responde à pergunta “o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão?” porque tempo é um bem até mais precioso do que dinheiro.

Por que é um passeio dispensável: a Ducha de Prata é, literalmente, uma reunião de bicas/canos que os homens colocaram lá para dar uma sensação de cachoeiras. Não funcionou. E, sejamos sinceros: quem quer ver isso? Não dá nem mesmo uma vista bonita para uma foto.

  1. Ficar longe do Capivari

Praticamente tudo de mais interessante em Campos do Jordão fica em Capivari. Os melhores restaurantes, as melhores lojinhas, os melhores cafés, o centrinho turístico… Os passeios distantes do Capivari, como o Amantikir ou o Horto, são acessíveis de carro ou podem ser agendados com um táxi, mas são passeios para uma manhã ou uma tarde. A noite só tem vida ali pelo Capivari.

Por que não é uma boa ideia: a não ser que você procure um retiro ou ficar longe da civilização, o Capivari é a melhor região de Campos para se hospedar. É também o melhor jeito de não depender de carro o tempo inteiro.

  1. Shopping Geneve Plaza

O conjunto de lojas mais caras de Campos do Jordão fica nesse shopping a céu aberto que não vale a pena ser visitado. Blusinhas de tricô sem grife por R$400, itens simples em couro por R$700 ou mais e outros preços exorbitantes nos fizeram sair correndo de lá. Credo.

Por que não vale a pena: todas as lojas são normais em qualidade e estilo, mas caríssimas.

  1. Escolher os restaurantes pelo TripAdvisor

Praticamente todos os restaurantes recomendados pelo TripAdvisor são caríssimos. Isso porque o site considera uma média geral de avaliações, ignorando o tempo de cada uma delas. Ou seja, um restaurante considerado barato em 2013, mas que hoje serve fondue a R$120 continua registrado como um bom custo-benefício no TripAdvisor. Para quem está acostumado ao padrão de qualidade de São Paulo e ainda assim já acha a cidade cara, simplesmente não vale a pena.

Como escolher onde comer em Campos do Jordão: prefira consultar o Foursquare, o meu vídeo sobre onde comer em Campos do Jordão gastando pouco ou mesmo conferir os cardápios que ficam na porta dos restaurantes do Capivari.

  1. Estação Emilio Ribas

O último passeio em Campos do Jordão que simplesmente não vale a pena é o da estação Emilio Ribas. Vários sites recomendaram ir até lá como se fosse uma atração, mas, se eu soubesse antes como era, teria riscado do meu roteiro de 2 dias.

Por que não vale a pena: é uma estação pequena, nada bonita e que não tem um charme memorável. Talvez valha a pena tirar uma foto nos trilhos, mas é só.

Pronto, essa foi a minha listinha. Talvez, quando eu voltar, descubra novas atrações dispensáveis e escolhas erradas, mas, por enquanto, essas são minhas recomendações negativas. Espero que te ajude na hora de montar o seu roteirinho!

Você que já foi lá, responda: o que não vale a pena fazer em Campos do Jordão pra você? Deixe nos comentários suas dicas preciosas para quem está lendo essa matéria!  

Clique aqui para ler todos os posts sobre Campos do Jordão do Blog DeClara!


Me acompanhe nas redes sociais, sim?☀

Instagram, Facebook. antix barrado papoulas blog declara não vale a pena fazer em campos do jordãoConheça o meu canal no Youtube!
Previous Post Next Post

❤ Você também vai gostar ❤

15 Comentários

  • Responder Dani 16 de Abril de 2018 at 9:46 PM

    Antes de falar que passou por uma favela aqui em campos querida quantas favelas têm aí onde vc mora mesmo? Aqui podemos dormir com a porta de casa encostada andar com o vidro do carro aberto mesmo dentro da favela . Não gostou vá para Suíça de verdade .

    View Comment
    • Responder Clara Fagundes 16 de Abril de 2018 at 11:49 PM

      Primeiro: vou pra onde eu quiser, a não ser que você esteja pagando a minha viagem. (Aceito!)
      Segundo: é só jogar no Google pra descobrir que há bastante favela em Campos do Jordão, você vai ter que mandar comentário bravo pro G1, pro Globo, pra Folha…
      Terceiro: não estou vendo a parte em que digo que só Campos do Jordão tem favela no Brasil… É porque não disse!

      Saia um pouco da defensiva, não fiz a matéria pra ofender ninguém e só fiz depois de publicar outra 4 vezes maior falando bem da cidade.

      View Comment
    • Responder Denis Miguel 17 de Abril de 2018 at 10:22 PM

      Exatamente, se for para ver favela a gente fica em São Paulo mesmo

      View Comment
  • Responder Sandra Kecek 16 de Abril de 2018 at 10:08 PM

    Como toda cidade turística Campos do Jordão tem pontos interessantes, e outros nem tanto. Espero que você retorne para conhecer o Horto Florestal, o Museu Felicia Leirner, o Auditório Cláudio Santoro, o Borboletario, o Palácio Boa Vista, a Casa da Xilogravura, o Amantikir, e outros cantinhos aconchegantes da cidade. Com certeza, não vai se arrepender.

    View Comment
  • Responder Bruno 17 de junho de 2018 at 3:50 AM

    Estou prestes a visitar a cidade e gostei muito dessas dicas de forma direta e sincera. É este tipo de guia que deveria existir, assim, quem passa uma estadia rápida pela cidade (afinal é um absurdo ficar muitos dias em Campos), já vai direto a pontos de maior interesse, mais agradáveis e principalmente, que cabem no bolso. Parabéns pelas dicas, foram de grande valia!

    View Comment
    • Responder Clara Fagundes 29 de junho de 2018 at 3:05 PM

      Muito obrigada pelo comentário, Bruno!
      Senti falta desse tipo de informação e decidi usar meu passeio para ajudar outras pessoas!

      View Comment
  • Responder Beatriz 4 de julho de 2018 at 1:53 PM

    Amei Clara, foi muito dedicada ao criar os posts, tenho certeza que todas as dicas me serão muito úteis.
    Sucesso!

    View Comment
  • Responder Samara Martins Sousa 16 de agosto de 2018 at 7:59 PM

    Oi Clara, gostei mto das dicas, mto honestas. Vc deve ter falado, mas n to lembrando aqui de média de valores de hoteis e pousadas. Vc pesquisou? Ficou em qual? Vi umas de milzão pro casal, é isso mesmo?

    View Comment
    • Responder Clara Fagundes 14 de outubro de 2018 at 11:20 AM

      Eu fiquei na Kaliman! Deu 337 para 3 pessoas por 2 dias, mas era no meio da semana e fora da estação!

      View Comment
    • Responder Clara Fagundes 14 de outubro de 2018 at 11:21 AM

      P.S.: Não fique em um lugar que dê 1000 por casal, sério, é extorsão!
      Desculpa a demora absurda pra responder, não estava recebendo notificações de comentários novos, só vi agora porque abri esse post específico.

      View Comment
  • Responder Sanae 25 de agosto de 2018 at 11:58 PM

    Adorei as dicas sinceras, por vir do norte penso parecido como vc com relação a natureza, já estou em SP e chego em Campos em breve com suas dicas anotadas. Obrigada pela postagem dos vídeos e pelas postagens do blog bem feito.

    View Comment
  • Responder Claudiane 17 de setembro de 2018 at 10:50 PM

    Olá amei as dicas! Esta de parabéns por sua sinceridade. Afinal pra quem mora longe e trabalha o ano todo enconomiza pra viajar nas férias como eu, quer gastar em algo que valha a pena conhecer. Meu próximo destino será Campos do Jordão e todas suas dicas foram anotadas.
    Só uma perguntinha não sei se falou , mais qual o mês de baixa temporada?

    View Comment
  • Responda