Explorar

O que fazer em SP no feriado gastando pouco (ou nada)

O que fazer em SP no feriado?

O que fazer em SP no feriado, considerando ele é bem no final do mês, quando nosso rico dinheirinho está se acabando? Não temam. Como já falei nesse post com 17 motivos para amar morar em São Paulo, aqui, nunca faltam programações baratas, gratuitas e para todos os gostos. Já pode parar de soluçar baixinho por não poder viajar ou ir à praia, pois aqui vai a minha singela listinha com o que fazer em SP para se divertir por aqui mesmo. Eu também estava sofrendo, mas agora já até escolhi os meus rolês. Espero que cês gostem!

1. Pedalar nas mais de 100 ciclovias de São Paulo.

Não é porque eu não sei andar de bicicleta que vocês não podem usar o feriado pra isso, né? Just saying.

2. Fazer uma maratona de filmes do Festival SESC Melhores Filmes.

Até o dia 27 de abril, a 42ª edição do Festival Sesc Melhores Filmes rolará no CineSesc da Augusta. O festival foi criado em 1974 e foi o primeiro festival de cinema de São Paulo. A mostra exibe 47 filmes, dentre eles, 29 estrangeiros e 18 nacionais, todos escolhidos por meio de votação online.

Os ingressos custam R$ 3,50 para Credencial Plena, R$ 6 para a meia-entrada e R$ 12 inteira. Pechincha.

3. Participar do Fórum Shakespeare de São Paulo.

Em homenagem aos 400 anos da morte de Shakespeare, o Centro Cultural Banco do Brasil organizou o Fórum Shakespeare, com palestras, oficinas e montagem de Macbeth, dirigido pelo ator e diretor inglês Greg Hicks e interpretado por elenco 100% brasileiro. Vai ser bom demais, nossa. E os ingressos são gratuitos, só precisam ser retirados com 1h de antecedência na bilheteria do teatro.

Macbeth: 20, 22, 23, 24 e 25 de abril.

Quarta, sábado e segunda, às 20h.

Sexta, às 16h e às 20h.

Domingo, às 16h e às 19h.

Endereço: Rua Álvares Penteado, 112, Centro.

4. Ir na Plataforma91 e conferir a mostra “Icons”, de Russel Young.

A mostra é gratuita e conta com 24 obras inéditas no Brasil, que trazem imagens de ícones do cinema e da música, desde Marilyn Monroe a David Bowie e Jane Fonda. A exposição vai até o dia 30 de abril, e abre de quarta a sábado, das 11h às 18h.

Endereço: Rua Major Diogo, 91.

5. Dançar muito na Voz Eletryka, na Casa do Mancha. 

Atrações: Anelis Assumpção e Dustan Gallas, entre outras. A Casa do Mancha é conhecida pelos bons shows de música autoral e pelos drinks sucesso a preços justos. Fica bem no meio da Vila Madalena, um dos melhores lugares da cidade pra quem quer dançar, beber e conhecer gente bonita.

Na sexta (22/04), por R$20, começa às 20h.

6. Comer à vontade por R$39 no Festival de Massas CEAGESP. Eu sou uma fã convicta dos festivais gastronômicos do CEAGESP e o Festival de Massas não poderia ficar de fora. Ele vai até o dia 1 de maio, abrindo às quartas e quintas, das 18h à meia-noite e na sexta, até a 1h. Aos sábados, abre para o almoço, das 11h30 às 17h, e para o jantar, das 18h a 1h da manhã. No domingo, vai das 11h30 às 17h. O acesso pode ser feito pelo portão 4 da Ceagesp (1.946 da Av. Doutor Gastão Vidigal). O estacionamento custa R$10 o período, mas sempre dá pra ir de transporte público, né.

7. Aproveitar a programação de dança da Galeria Olido.

Tem pra todo mundo, todos os dias, à tarde e à noite. Eu ? Galeria Olido.

 programação galeria olido o que fazer em SP no feriado

8. Assistir à peça “Até que Deus é um ventilador de teto”, no Espaço Parlapatões.

A peça, do grupo Parlapatões, conta a história de um jornalista de meia idade que, de dentro de seu carro, imagina que o vendedor de balas no final pode ser um Deus que desceu à Terra para observar a vida dos homens. Drama cotidiano e urbano, classificado como “ótimo” pelo Guia Folha. O ingresso inteiro custa R$40.

Sábado, às 22h.

Endereço: Praça Franklin Roosevelt, 158, Centro.

9. Prestigiar a peça “Otelo”, no Map FAAP.

Obviamente baseada na peça maravilhosa de Shakespeare, a peça é dirigida por Debora Dubois e conta com Rafael Maia, Cesar Fiqueiredo e Samara Felippo como o trio principal. A entrada inteira custa R$40.

Endereço: Rua Alagoas, 903, Higienópolis.

 

Me contem os planos de vocês para o feriado (aqui em São Paulo ou não) nos comentários!

Clique aqui para mais posts sobre São Paulo do Declara. 


Ei, me acompanhe também nas redes sociais ☀️
Instagram, Facebook, Pinterest.

antix barrado papoulas blog declara
Previous Post Next Post

❤ Você também vai gostar ❤

6 Comentários

  • Responder Váh 25 de abril de 2016 at 9:49 AM

    Nunca fui para São Paulo, mas ultimamente tem me dado muita vontade de ir conhecer sua cidade. Sempre tem o que fazer, sempre tem coisas acontecendo né?
    Deve ser incrível!!

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    View Comment
  • Responder Juliana 26 de abril de 2016 at 11:15 AM

    Adorei o formato do post, Clara! Muitas opções bacanas. Eu adoro eventos promovidos pela prefeitura ou grupos independentes que possuem preços bem em conta ou são de graça. Quando era adolescente fazia questão de ir em vários durante a semana 😀

    Beijos!

    View Comment
  • Responder Blog Criativíssimo 26 de abril de 2016 at 2:18 PM

    São Paulo não para. Incrível! Sou encantada pela cidade, de todas as formas. Ver suas dicas de programação só me deixaram com mais vontade de voltar.

    View Comment
  • Responder Isa 27 de abril de 2016 at 10:49 AM

    e eu li tudo isso quando? DEPOIS DO FERIADO, claro.

    gênia.

    View Comment
  • Responder Tatiana Castro 27 de abril de 2016 at 7:01 PM

    Adorei a ideia e super pertinente para os dias de hoje que a grana está curta para todo mundo.
    São Paulo é a melhor cidade no quesito cultural, mas com um pouco de criatividade dá para aproveitar as cidades do interior do estado também.

    Beijos!

    View Comment
  • Responda